Como plantar e cultivar o tomate?


Plantio - O tomate pode ser plantado o ano todo, desde que em regiões onde o clima é ameno. Temperaturas muito baixas, como geadas, ou calor em excesso, prejudicam o desenvolvimento e a produção do tomateiro. Em locais frios, o cultivo deve ser realizado entre os meses de agosto e janeiro. Plante de março a maio em áreas com temperaturas elevadas. A colheita é feita de 90 a 100 dias depois do início do transplante.

Ambiente - O tomateiro se dá bem em locais com condições climáticas variadas, porém com pouca chuva. Pode ser encontrado em regiões de clima tropical de altitude, subtropical e temperado. Mas a cultura prefere ambientes com temperatura noturna entre 15 e 19 graus e diurna de 19 a 24 graus.

Local - Para cultivar o tomate, o terreno deve ser profundo, solto, permeável, bem drenado, areno-argiloso e com pH entre 5,5 e 6,5. O espaçamento entre plantas pode variar de 50 a 60 centímetros e, entre os sulcos, de um a 1,20 metro.

Irrigação - Mantenha o terreno sempre úmido. Irrigue as plantas a cada dois ou três dias. Boa incidência de sol também é recomendado, pois evita o desenvolvimento de plantas finas e quebradiças.

Dica - O tomateiro apresenta bom crescimento quando no mesmo canteiro são plantadas ervas aromáticas.

Propagação - Inicie o plantio do tomateiro pelo sistema de mudas produzidas em bandejas de isopor. Coloque as sementes, que podem ser compradas em lojas de produtos agropecuários, nas células preenchidas com um substrato comercial. Evite o excesso, porém molhe diariamente as mudas nessa fase inicial. Mantenha as bandejas em ambiente protegido, para impedir ataque de pragas e insetos transmissores de doenças, como traça-do-tiro, ácaros, mosca branca, tripes, pulgões e burrinho.

Transplante - As plantas são transplantadas para o local definitivo assim que as mudas atingirem de quatro a cinco folhas, ou de sete a dez centímetros de altura. Sem apertar muito as hastes, amarre varas de bambu ou madeira de dois metros de altura em cada planta.

Colheita - Com muitos ramos e caule flexível, o tomateiro tem sua colheita depois de 90 a 100 dias do início do transplante. Como o tomate continua amadurecendo fora do pé, pode ser colhido ainda não maduros.

*Leonardo Silva Boiteux e Leonardo de Britto Giordano são pesquisadores em genética e melhoramento de hortaliças da Embrapa Hortaliças, Rod. BR-060, km 9, Caixa Postal 218, CEP 70359-970, Brasília, DF, tel. (61) 3385-9072 e 3385-9073, boiteux@cnph.embrapa.br e giordano@cnph.embrapa.br
Mais informações: Para outras orientações sobre cultivo de tomate, entre em contato com a Emater - Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do seu estado

6 comentários:

Valentim disse...

Gosto muito de tomate. Tem tantas utilidsdes culinarias, faço saladas, sopas, temperos, arroz com tomate. Gosto também de suco de tomate, bebo com aipo... é delicioso
O tomate é muito saudavel, penso. é bom para muitas coisas e tem muitas vitaminas. até ajuda muito o coração por causa dos licopeno... essa não sabia... vi em http://www.i-legumes.com/tomate_beneficios.html
as coisa que a gente aprende...
parabéns

Anônimo disse...

muito obrigado

david disse...

Como plantas as sementes , a pessoa joga elas ou coloca um pouco de terra por cima , se é que se o caso for vaso que eu quiser plantar?

Anônimo disse...

MANOEL. E MUITO LEGAL SEMPRE QQUERO FAZER UMA PQSQUISA SOBRE AGRICULTURA EU PROCURO ESSE SITE DESDE Q EU O DESCOBRRI SEMPRE TENHO ACESSADO E SEMPRE TIRANDO MINMHAS DUVIDAS.
GOSTARIA DE SABERQUALADUBAÇÃO IDEAL PARA OPLANTIO DO TOMATE?

Anônimo disse...

gosto muito de plantar tomate mas nw tenho espaço
planto no vaso mas nw fica bonito,as folhas ficam estragando o qe devo fazer..desde de ja grata

jeoaida@msn.com

Shisue Kataoka disse...

ola,gostaria de saber como deve ser feito a estufa para se plantar tomates.E tbem se na estufa pode ser plantado mudas sem enxertar,aguardo uma resposta o mais rapido possivel,e tbem gostaria de saber se existe uma apostila com essas dicas,de graca,obrigada

Postar um comentário

Prezado leitor deixe aqui suas dúvidas e sugestões a respeito das matérias publicadas. Agradecemos a participação e comentários.